fbpx

BLOG

FEEDBACK: O que não dizer ao funcionário

Feedback é uma ferramenta valiosa para o nosso desenvolvimento pessoal e profissional. Esse ponto de vista é praticamente unânime. Mas, o que nem todo mundo comenta é que dar um feedback de maneira errada pode ser muito mais nocivo do que não falar nada.

Precisamos do feedback, certo? É interessante saber quais são as respostas que estamos conseguindo obter com nossas ações. Esse tipo de retorno possibilita ajustes necessários para obtermos os resultados esperados.

Nessa perspectiva, o feedback precisa ser assertivo e cirúrgico. Ele deve ser focado no ponto que está fora da curva, sem alardes e críticas agressivas.

Por que o feedback é importante?

Veja, funcionamos melhor quando temos um direcionamento, quando sabemos exatamente para onde devemos seguir e o que é esperado de nós.

Considerando esse aspecto, observe alguns exemplos do que NÃO se deve falar para um funcionário quando o seu desempenho está sendo avaliado.

1. Reclamações

Lembre-se, o ideal é o que o feedback seja concentrado no ponto que precisa ser ajustado. Reclamar de tudo que o funcionário faz vai deixá-lo constrangido e desmotivado. Por isso, o feedback deve ser recorrente, para que as fragilidades não sejam acumuladas. Cada questão tem que ser tratada no seu devido tempo.

2. Avaliação genérica

Para ser assertivo, o feedback deve ser específico. Então, não adianta dizer “você sempre entrega os relatórios atrasados”. Aponte a questão com objetividade. Ex.: “semana passada, eu te pedi três relatórios e nas três vezes você me entregou fora do prazo. Como posso te ajudar para que isso não ocorra mais?”

3. Ameaça

É muito complicado trabalhar sob pressão. Evite ameaçar o seu funcionário durante o feedback. “Se você não melhorar seus resultados, vai ser demitido”. É uma abordagem agressiva e não muito produtiva. Aponte o que pode estar afetando o desempenho do funcionário e o que você sugere para que ele possa atingir as expectativas da empresa.

4. Não dê feedback com raiva

Como já foi dito, o feedback precisa ser assertivo, com foco no que pode ser ajustado. Se o funcionário realmente fez algo que deixou você com muita raiva, evite dar o feedback nesse momento. Pense assim, é necessário listar os pontos que precisam ser corrigidos. Nesse caso, é fundamental ser mais racional, até para que possa expor esses tópicos com mais clareza. Espere a raiva passar e só depois passe ao funcionário a sua análise da situação.

5. Não ofereça apenas feedback negativo

Se você avaliar o funcionário apenas quando ele fizer algo errado, ele vai entender que você não aprova nenhum de seus resultados. Atente-se a isso: é muito importante oferecer um feedback completo, com os pontos positivos e aqueles que precisam ser ajustados.

Considere o feedback uma ferramenta muito útil para o desenvolvimento da sua equipe. É através de uma análise objetiva e racional dos resultados que é possível, quando necessário, adaptar a dinâmica de trabalho.

Qual é a sua experiência com feedback? Já vivenciou alguma desses exemplos citados no artigo?

Boas realizações e até o próximo artigo!

<-Voltar

Artigos Sugeridos

3 dicas valiosas para fortalecer a base de clientes

Por: Gustavo Jhonny /
Sem categoria / sem comentários / 16 novembro, 2021

Fortalecer a base de clientes é um dos objetivos principais de um empreendedor. A fidelização é um pilar essencial para a sustentabilidade do seu negócio. Atualmente, porém, não podemos nos acomodar com a ideia de que basta a nossa habilidade técnica para conquistar a lealdade do cliente. O mercado gira muito rápido. Os consumidores de […]

Leia mais

FEEDBACK: O que não dizer ao funcionário

Por: Gustavo Jhonny /
Sem categoria / sem comentários / 09 novembro, 2021

Feedback é uma ferramenta valiosa para o nosso desenvolvimento pessoal e profissional. Esse ponto de vista é praticamente unânime. Mas, o que nem todo mundo comenta é que dar um feedback de maneira errada pode ser muito mais nocivo do que não falar nada. Precisamos do feedback, certo? É interessante saber quais são as respostas […]

Leia mais

3 ideias incríveis de marketing veterinário

Por: Gustavo Jhonny /
Sem categoria / sem comentários / 29 outubro, 2021

Você deseja um fluxo constante de novos pacientes na sua clínica ou de clientes no seu pet shop? Bem, então anota essas 3 ideias incríveis e comprovadas de marketing veterinário para ajudar o seu negócio de forma consistente. Mas… Antes de passar essas ideias, você precisa definir algo muito importante. Veja! Defina o seu diferencial […]

Leia mais


    Warning: Use of undefined constant php - assumed 'php' (this will throw an Error in a future version of PHP) in /home/empreendevet/www/wp-content/themes/maiscode_empreendevet/footer.php on line 46